Textos


Manifesto aos “grandes políticos” que traíram-se.


Subterfugiados e às vezes ousados
trocando leis por milhões,
avançam, não cansam, propagam-se,
mal paga-se o preço por terem nascido.

Desinibidos larápios de fato,
roubando aquilo que nunca foram seus,
com um simples pretexto de alguém lhes deu.

Republica apátrida, prostituída insolentemente
violada na madrugada, indignamente
dessa angustia indizível , amargura pujante
da qual sofre toda a gente.

É João, Genebaldo, Zé Carlos; delator
que em desconforto a Pinheiro irritou
e decidiu ele mesmo delatar
não pra prestar contas, mas se livrar .

E tem até um tal Ricardo que muito manda e não aparece
ai daquele insolente, que o desobedece
não adiantará reza, choro e nem prece
não adianta fugir, ele aparece ...

Ai de ti Zé, ai de ti e da pobre Elizabeth.

29 de novembro de 1993.
Taciano Minervino
Enviado por Taciano Minervino em 11/12/2017
Alterado em 11/01/2018
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários